sexta-feira, 22 de outubro de 2010

mAke it beTter!

(...)

Se Vinicius tivesse conhecido ela , diria assim:

Porque você é uma menina com uma flor nos cabelos, e só consegue dormir com minhas mãos sobre você.
E tem mãos tão pequenas feito a chuva e um dedilhar de menina.
Porque você enche os olhos de lágrimas quando vê uma árvore de natal.
E eu fico bobo olhando você.
Fico mais bobo ainda olhando você, perdida diante do coral de Natal , com seus olhos bem grandes iluminados.

Porque você é uma menina boba com uma flor nos cabelos, e tem ares de princesa... eu só poderia passar o resto da vida preso a você!

Um comentário:

Pipa. Agora eu era o herói. disse...

Marília querida,


Aparentemente, existe um número exagerado de Monstros carrancudos por aí. Exercite o desapego querida. A desilusão nada mais é do que que a fantasia de um sonho não realizado. Talvez seja hora de dar um basta nestes Monstros amargos, que nos trazem perdas dolorosas e traições inacreditáveis. Solte as amuletas externas. Você pode andar sozinha. Não há atalho neste caminho, mas se esvaziar a carga pesada das lembranças vai se sentir mais leve e assim vai facilitar a viagem. Mas antes, pressione-o, preferivelmente com dureza. Enfrente a certeza do Não e ela te libertará. Aceitar a rejeição é um modo de se superar. Em seguida, adicione uns ingredientes isolados no tacho e desmoralize este Monstro de doce de leite. Troque-o por um de amendoim de alma mais leve e cabeça menos complicada. Seja a calmaria tempestuosa da qual necessitam os velejadores, deste modo evitará que sua vida se torne um mar de lágrimas.


Como seguir? Que tal centuplicar teu valor? Como diria Mandino:

"Um grão de trigo quando centuplicado produzirá centenas de talos."


Te abraço com ternura.